BH em Pauta: Tênis é praticado em três parques municipais

Jogador de tênis em um dos parques municipais de BH que tem quadras para esta prática. Foto: Divulgação FPM/PBH

BH em Pauta: Tênis é praticado em três parques municipais

28/07/2017 | 15:53 | atualizado em 18/01/2018 | 12:29Estigmatizado como um esporte de elite, o tênis tem uma realidade diferente em Belo Horizonte. O rótulo excludente não se aplica bem ao esporte na capital mineira, considerando que a modalidade pode ser praticada gratuitamente em alguns parques públicos da cidade. Na região da Pampulha, por exemplo, o Parque Municipal Fazenda Lagoa do Nado dispõe de uma quadra de tênis, recentemente reformada, aberta aos visitantes. Nas tardes de sábado, é comum ver grupos de pessoas por lá, praticando tênis com orientação de voluntários que ensinam o esporte gratuitamente. Por sinal, o tênis tem se tornado um dos esportes mais praticados no referido parque, ao lado da peteca. A procura pela quadra aumentou muito no último ano. “Depois que fizeram a reforma na quadra, as pessoas se interessaram mais pelo esporte”, comenta Fabiana, de 17 anos, estudante e moradora vizinha ao parque. No Parque Municipal Américo Renné Giannetti, na região central da cidade, há até uma associação de tenistas formada dentro do parque, que faz uso regular e até organiza campeonatos na quadra de tênis que é a mais antiga da cidade, com pouco mais de 90 anos. Por esta razão, os tenistas frequentemente se mobilizam para ajudar na manutenção do espaço. “Na última grande reforma, em 2013, o parque contribuiu disponibilizando energia elétrica, água e recompondo o piso do entorno da quadra. O restante foi patrocínio da Associação de Tenistas do Parque. De lá para cá, foram feitos reparos de rotina. Graças a essa parceria, a quadra de tênis do Parque Municipal hoje está adequada ao padrão internacional”, afirma Tatiani Cordeiro, chefe do Departamento Centro da FPM. Já na região Centro-Sul, a população pode usufruir da quadra de tênis do Parque das Mangabeiras, ao custo de R$31,95 por hora, conforme portaria FPM nº 007 de 5 de abril de 2017. No entanto, o Parque dispõe de dois paredões de tênis, estruturas similares a quadras de squash, onde o praticante de tênis pode se aquecer ou jogar sozinho contra a parede. Esses espaços têm uso gratuito e sem necessidade de reserva. Confira as regras e horário de uso das quadras de tênis dos parques da cidade:  

Parque

Dias

Horários

Procedimentos

Custo

Parque Municipal

Américo Renné Giannetti

terça a domingo

6h às 17h30

Verificar a disponibilidade de horários, presencialmente, com a administração. Cada grupo tem direito a uma hora de uso. Para reservar um horário, dois maiores de 18 anos precisam assinar um termo de responsabilidade com telefone e endereço. O parque cede apenas os espaços, não tendo equipamentos como bolas e raquetes de tênis para empréstimo.

 

Gratuito

Parque Municipal Fazenda Lagoa do Nado

 

terça a domingo

7h às 18h

Não é necessário reserva prévia. O fechamento da quadra se dá juntamente com o Parque, às 18h. O parque cede apenas os espaços, não tendo equipamentos como bolas e raquetes de tênis para empréstimo.

 

Gratuito

Parque das Mangabeiras

terça a domingo

8h às 17h

 

Verificar a disponibilidade de horários presencialmente no Parque esportivo das Mangabeiras. São feitas reservas de, no máximo, 2 horas consecutivas. O horário limite para se iniciar uma reserva é às 16h10. Caso o interessado alugue a quadra por 1 hora apenas, ele pode pedir ampliação por mais 1 hora até 10 minutos antes do término da primeira hora, caso não haja fila de espera ou interessado no local. O parque cede apenas os espaços, não tendo equipamentos como bolas e raquetes de tênis para empréstimo.

R$31,95/hora

 

Fonte: prefeitura.pbh.gov.br/noticias/bh-em-pauta-tenis-e-praticado-em-tres-parques-municipais

admin

Um texto sobre min....