PBH assina carta de intenções com ICLEI América do Sul

Secretário executivo do ICLEI América do Sul, Rodrigo Perpétuo e secretário adjunto de Relações Internacionais de Belo Horizonte, Bruno Miranda. Foto: Ana Sampaio

PBH assina carta de intenções com ICLEI América do Sul

30/08/2017 | 13:49 | atualizado em 04/09/2017 | 08:20

No Dia Nacional do Voluntário, celebrado em 28 de agosto, o ICLEI América do Sul anunciou o lançamento de seu Programa de Voluntariado Internacional pela Sustentabilidade Local, iniciativa que objetiva envolver a juventude com a temática de sustentabilidade, integrada à gestão pública local. A iniciativa piloto, a ser implementada a partir de 2018, contará com a parceria da Prefeitura de Belo Horizonte, cidade membro do ICLEI desde 1993, e da organização Campus Brasil.  

Durante a abertura do V Fórum Internacional de Voluntariado e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), realizado na capital mineira, o secretário-adjunto de Relações Internacionais, Bruno Miranda e o secretário-executivo do ICLEI América do Sul, Rodrigo Perpétuo, assinaram um Protocolo de Intenções, dando início à parceria. As instituições vão colaborar para estruturar o Programa Internacional do ICLEI, que será também oferecido aos associados da Rede de governos locais no ano seguinte.  

“Essa iniciativa surgiu do desejo de intensificar o diálogo do ICLEI com a juventude e, ao mesmo tempo, aprofundar a relação com os governos associados. Um programa como esse se baseia nos princípios da solidariedade e do conhecimento mútuo, para que essas novas lideranças tenham o desenvolvimento sustentável no DNA”, afirmou Perpétuo. A fase piloto do Programa de Voluntariado Internacional pela Sustentabilidade Local deverá receber até 3 voluntários no primeiro semestre de 2018, e até 10 no período de junho a setembro.  

O Programa de Voluntariado Internacional pela Sustentabilidade Local do ICLEI é uma ação estratégica para engajamento dos jovens, que busca sensibilizar este público sobre marcos globais da sustentabilidade e estimular as lideranças do futuro. A iniciativa também proporciona a troca cultural e a contribuição técnica dos voluntários, benefícios que Prefeitura de Belo Horizonte já tem colocado em prática em seu Programa Municipal de Voluntariado Internacional. Desde 2011, a cidade recebe jovens estrangeiros para participarem de um período de experiência na Prefeitura. O programa de Belo Horizonte já recebeu mais de 119 estudantes de 24 países, que atuaram em 29 órgão da administração direta ou indireta.  

“O programa de voluntariado internacional e as políticas de sustentabilidade ambiental são exemplos muito significativos e concretos da atuação de Belo Horizonte rumo à internacionalização. Conciliar estas experiências em uma parceria com o ICLEI América do Sul faz todo o sentido e nos parece um caminho natural a seguir, pois esta entidade tem sido um dos parceiros mais importantes da nossa cidade e compartilha conosco das mesmas convicções, entre elas, a relevância dos governos locais como atores estratégicos para implantar práticas eficientes na proteção e defesa do meio ambiente”, disse o secretário adjunto Bruno Miranda.  

O V Fórum Internacional do Voluntariado Transformador, realizado pela Federação Mineira de Fundações e Associações de Direito Privado (Fundamig) e Minas Voluntários, discutiu a relação entre voluntariado e os ODS, criados pela Organização das Nações Unidas (ONU), com o objetivo de tratar a prática de voluntariado de forma metodológica e impactante, para que possa contribuir, efetivamente, com uma sociedade mais justa. O evento contou com o apoio de uma série de parceiros, nacionais e internacionais, dentre eles a ONU e o ICLEI.  

ICLEI  

O ICLEI – Governos Locais pela Sustentabilidade – é a principal associação mundial de governos locais dedicados ao desenvolvimento sustentável, cuja rede global conecta mais de 1.500 governos de estados e cidades de diversos portes, em mais de 100 países, em todas as regiões do mundo.  

Movido pela causa de mobilizar os governos locais para construir cidades mais sustentáveis, o ICLEI oferece apoio para que desenvolvam suas políticas e ações pela sustentabilidade. Orienta-se pela premissa básica de que iniciativas elaboradas e dirigidas localmente podem fornecer uma maneira eficaz e economicamente eficiente para alcançar objetivos locais, nacionais e globais.  

O Secretariado para América do Sul conecta seus mais de 50 membros em 8 países a este movimento global. Ao longo destes anos, destacou-se no desenvolvimento e execução de projetos nas temáticas de: Clima e Desenvolvimento de Baixo Carbono, Resiliência, Resíduos Sólidos, Compras Públicas Sustentáveis, Biodiversidade Urbana, dentre outros.

Fonte: prefeitura.pbh.gov.br/noticias/pbh-assina-carta-de-intencoes-com-iclei-america-do-sul

admin

Um texto sobre min....